Beira-mar, um lugar para todos

A Prefeitura de Fortaleza deu início, em agosto de 2018, às obras da nova Avenida Beira-Mar. O conjunto de intervenções prevê uma série de melhorias urbanísticas e de mobilidade ao longo da via, bem como a construção de um novo calçadão em toda a extensão da orla, compreendida no trecho entre a Praia do Meireles e a Enseada do Mucuripe.

Com um total de 66.704,38 m² de área totalmente acessível, o projeto compreende a requalificação da avenida com a construção de um novo calçadão, construção de quiosques de alimentação e bebidas, todos padronizados, além do reordenamento da feirinha de artesanato e a urbanização dos espigões das Avenidas Desembargador Moreira e Rui Barbosa.

A região passará a contar, ainda, com nova iluminação com fiação embutida, espaços para convivência com caramanchões, academias, banheiros, parque infantil, quadras de vôlei de praia, pista de skate, anfiteatro, pista de hockey, ciclovia, pista de cooper com 2,6 km de extensão, além de um posto da Casa do Turista e prédio administrativo.

Orçadas em R$40 milhões, as obras na região devem ser concluídas em agosto de 2020, transformando o calçadão mais querido da Cidade num cartão postal ainda mais bonito de se ver e conviver.

Foto maquete eletrônica

Maquete eletrônica da nova Av. Beira-mar

Apresentação do projeto

Acompanhe o andamento da obra

47%

Sistema viário

39%

Ciclovia

3,5%

Equipamentos

15%

Calçadão

27%

Calçadas

Status total da obra
27%
  • Construção de um novo calcadão
  • 212 mil m² de área construída
  • 67 mil m² de área com novos passeios
  • 40 Quiosques com 80 pontos comerciais todos padronizados
  • 3 quiosques multiuso
  • 7 sanitários para uso público
  • Nova casa do turista
  • Prédio Administrativo com posto de policiamento e depóstio
  • Posto de controle e segurança
  • 7 Espaços para convivência com Caramanchões
  • Pier com ancoradouro para barcos de pesca
  • 3 espaços de convivência com academias e playground
  • Ampliação do estacionamento para 521 vagas
  • 8 quadras de esportes de areia
  • 658 Boxes comerciais para a feirinha
  • 8 quadras de esportes de areia
  • 1 Quadra de hockey
  • 1 Anfiteatro
  • Urbanização dos espigões: Av. Des. Moreira, Av. Rui Barbosa e João Cordeiro
  • Ciclovia 3,3 km de extensão e 2.20m de largura
  • Pista de Cooper com 2,6km de extensão
  • Pier com ancoradouro para barcos de pesca

Veja como vai ficar

Últimas Notícias

Perguntas frequentes

A obra da nova Avenida Beira-Mar prevê uma urbanização completa da via, além de requalificação do calçadão e calçadas. Toda a extensão da orla, compreendida no trecho entre a Praia do Meireles e a Enseada do Mucuripe será urbanizada com a instalação da nova pavimentação da via, com a substituição do asfalto por piso intertravado, iluminação com fiação embutida e novo sistema de drenagem para facilitar o escoamento da água na via. Ao todo serão 66.704,38 m² de área totalmente urbanizada com novo calçadão, quiosques de alimentação e bebidas, todos padronizados, além do reordenamento da feirinha de artesanato e a urbanização dos espigões das Avenidas Desembargador Moreira e Rui Barbosa.

A região passará a contar, ainda, com espaços para convivência com caramanchões, academias, banheiros, parque infantil, quadras de vôlei de praia, pista de skate, anfiteatro, pista de hockey, ciclovia, pista de cooper com 2,6 km de extensão, além de um posto da Casa do Turista e prédio administrativo.

A obra da nova Nova Avenida Beira-Mar teve início em agosto de 2018 e deve ser concluída em agosto de 2020.

Sim. A obra contempla a instalação de mobiliários urbanos como bancos, caramanchões cobertos, lixeiras e banheiros.

A avenida será dotada de calçadas acessíveis com rampas, piso tátil e travessia elevada, no mesmo nível, proporcionando mais segurança para todos os pedestres.

O projeto prevê a instalação de diversos equipamentos que promovem a prática de atividade física, como quadras de futevôlei, vôlei de praia, quadras de beach tênis, academias ao ar livre, pista de cooper, ciclovia, pista de skate, pista de hockey, além da reforma completa do calçadão e calçadas para caminhadas.

No hotsite “Beira-Mar de Todos” é possível ter acesso à maquete eletrônica do projeto e apresentação com mapa geral da obra.  

O projeto prevê a retirada de apenas as árvores localizadas em locais onde serão construídas edificações, como os novos quiosques (40 unidades), além dos pontos em que existam interferências na mobilidade, como nas áreas onde serão construídas a nova ciclovia, pista de cooper e outros equipamentos. O projeto de mobilidade e requalificação urbana da Av. Beira-Mar, prevê ainda o alargamento do sistema viário, com inclusão de um espaço destinado a implantação de bondinho para pedestre, a ser instalado em outra etapa do projeto. As árvores, que porventura, estejam fixadas em um desses locais, e que também não seja possível o transplante, deverão ser retiradas, com a condicionante de replantarmos outras 10 árvores para cada unidade suprimida. É bom salientar que todo esse processo é feito por engenheiros agrônomos da Autarquia de Paisagismo e Urbanismo de Fortaleza (URBFor), que avaliam, executam, realizam o transplante e também acompanham a transição desta árvore para novo solo.   

A obra de requalificação da Av. Beira-Mar prevê a instalação de quatro lixeiras subterrâneas no Mercado dos Peixes com capacidade para armazenar 4 metros cúbicos de lixo, melhorando a higienização e garantindo o descarte correto do lixo orgânico gerado no local. A avenida também passará a contar com mais lixeiras, além de bancos e banheiros. 

Deixe sua opnião

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support